(11) 3348-4000   |   sac@craz.com.br  Localização
Intranet

A ESCOLA E A FAMÍLIA 18 de julho de 2017

cinthia-garulo-de-magalhaes_psicologa

Psicóloga do Colégio PM aborda a importância da parceria entre educadores e familiares em prol dos alunos

Ao perguntar aos pais o que eles querem para seus filhos, é provável que nos respondam: “que sejam felizes, façam boas escolhas”. Ninguém quer ver um filho sofrendo, deprimido, tentando acabar com sua vida.

O fato é que, quando são crianças, estão sob nosso controle, mas, com o tempo, os filhos crescem e as escolhas não dependem tanto dos pais. E como encarar estas mudanças? Afinal, na adolescência, o mundo externo parece mais atrativo do que o acolhedor lar.

Os jovens vivenciam muitos conflitos, especialmente ao se deparar com uma avalanche de informações negativas, por exemplo, os jogos de violência como o “Baleia Azul”, os desafios de sufocamento como o “Choking Game”, a série “Thirteen Reasons Why” etc., visto que ora os tratamos como crianças e ora como adultos. Além das mudanças biológicas, eles precisam administrar muitas decisões. Com isso, é habitual que, frente a estas mudanças expressivas, os pais também fiquem angustiados e assustados, sem saber como agir.

Pensando neste apoio, a equipe técnica do Colégio PM, em especial a Psicologia Escolar, desenvolve o Programa Valores em nossas 11 Unidades de Educação, visando estimular o respeito às pessoas e às suas diferenças ao estabelecer experiências sadias de convívio, mentalidade crítica, espírito cooperativo e cívico, o que contribui para o desenvolvimento do protagonismo psicossocial na prática cotidiana dos direitos e deveres dos cidadãos.

Nesse sentido, é de fundamental importância que os pais adotem hábitos de aproximação com os filhos, tais como: conhecer seus interesses e amigos, trazendo-os para perto; incentivar atividades saudáveis e empreendedoras (esporte, cultura, estudos…); acompanhar as redes sociais e conversas no celular; instruí-los sobre as múltiplas violências; reforçar a autoestima e valorizar suas conquistas; estabelecer regras e horários para internet, jogos e equipamentos eletrônicos em geral; observar o estado físico (cortes, machucados, manchas, quedas, perda ou ganho de peso etc.) e procurar ajuda profissional ao identificar mudanças bruscas, sejam físicas e/ou emocionais; esclarecer a responsabilidade das ações e os resultados que podem acarretar; demonstrar atenção, carinho e uma vida ponderada, não expondo problemas de adultos para quem não poderá resolvê-los, além de repassar valores familiares.

A união entre a família, os alunos e a escola resultará em crianças e adolescentes resilientes, ou seja, capazes de lidar com problemas, seguros de suas decisões e prontos para os desafios da vida.


Por Cinthia Garulo de Magalhães
Psicóloga da Assessoria Técnica do Colégio PM
MENU
Últimas Notícias
Cruz Azul de São Paulo
Av. Lins de Vasconcelos, 356 – Cambuci
CEP: 01538-900 – São Paulo – SP
(11) 3348-4000
Como Chegar
Prêmios & Certificações:
Cruz Azul Cruz Azul Cruz Azul Cruz Azul
Links Úteis:
CBPM POLÍCIA MILITAR DE SÃO PAULO Cruz Azul Cruz Azul Cruz Azul Cruz Azul Cruz Azul
Cruz Azul 1925/2018 © Todos os direitos reservados