TEMPO DE ESPERA
NO PRONTO-SOCORRO
---
00:00
---
00:00
---
00:00
---
00:00

Período de espera estimado em caso de atendimento médico que não seja emergencial - Atualizado em:

TRANSTORNOS MENTAIS NA PANDEMIA

20 de abril de 2021

Há pouco mais de um ano, a população brasileira se deparava com a assustadora chegada da pandemia, que logo atingiu e se desenvolveu por todo o Brasil, dando início à maior crise mundial de saúde pública da nossa época, o que vem gerando danos humanos, econômicos, sociais e emocionais.

Com isso, a mudança radical no estilo de vida, juntamente com a perda de empregos, os sentimentos de insegurança, medo da contaminação ou do falecimento de um ente querido, apreensão e dúvida, desencadearam uma série de sofrimentos psíquicos, como estresse, vulnerabilidade, desamparo, entre outros.

Em decorrência desta nova realidade, vimos crescer a busca por psiquiatras e psicólogos, inclusive no formato online, considerando o aumento relevante nos casos de depressão e ansiedade, mostrando como a pandemia pode afetar não só a saúde física, mas também a saúde mental da população.

Na opinião da psicóloga Michele, supervisora da Seção de Psicologia Hospitalar do Hospital, a mobilização emocional é global, contudo, é impactada de forma diferente para cada indivíduo. Todos nós estamos fragilizados, mas precisamos aprender a reconhecer os nossos limites e respeitá-los. Mudanças intensas de comportamentos como o retraimento excessivo ou aumento da agressividade são sinais de que o psiquismo está em sofrimento. É fundamental procurar ajuda e trabalhar o que assombra em sua mente para, assim, conseguir cuidar de si e de quem ama.

Como estratégia para minimizar os prejuízos, é importante priorizar momentos que ainda sejam prazerosos, apesar das alterações evidentes na rotina. Simples atividades como um banho relaxante, meditação e oração, tirando o foco da vivência atual tão intensa, já contribuem para um maior equilíbrio afetivo. Ter sempre em mente que toda crise também é uma oportunidade para ressignificar nossa existência e estimular a resiliência. Hoje, cuidar da saúde psicológica é tão importante quanto seguir as medidas de prevenção contra a Covid-19.

 

Por Michele Montrose Ledesma

Psicóloga Supervisora do Hospital Cruz Azul

 


Categoria(s): Cruz Azul | Hospital Cruz Azul | Palavra de Especialista | Saúde
Tag(s):

Cruz Azul de São Paulo - Todos os direitos reservados © 2019-2020

Agência de Marketing e Gerenciamento Digital DocPix.net